Polo de Confecções de Pernambuco vende cerca de 1,6 milhão de máscaras de tecido contra coronavírus



O Polo de Confecções de Pernambuco, concentrado no Agreste, atingiu a marca de cerca de 1,6 milhão de máscaras de tecido comercializadas com padrão de conformidade reconhecido pelo Núcleo Gestor da Cadeia Têxtil e de Confecções (NTCPE).

Desde o início de abril, 80 empresas do segmento adquiriram o selo que reconhece a padronização do produto.

Na última quinta-feira (23), o governador Paulo Câmara anunciou que um novo lote, de um milhão de máscaras de tecido, será adquirido pelo Governo, através da Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (AD Diper).

O NTCPE é uma organização social contratada pela Secretaria estadual de Desenvolvimento Econômico para executar as políticas públicas desenhadas para o setor de têxteis e confecções.

Por causa da pandemia do novo coronavírus, o Núcleo tem disponibilizado às empresas, gratuitamente, cadernos técnicos que ensinam como fabricar máscaras e outros equipamentos de proteção contra o novo coronavírus, a exemplo de batas e protetores para os pés.

Os manuais estão disponíveis no site www.ntcpe.org.br e descrevem com detalhes as modelagens e insumos necessários para a fabricação de cada produto.

Por: Blog do Jamildo

Foto: Warley de Andrade/TV Brasil