Mulher morre carbonizada após ex-cunhado invadir condomínio e jogar gasolina dentro de apartamento

Segundo a Polícia Militar, vítima de 35 anos estava no imóvel com a filha, quando ex-namorado da irmã ateou fogo no local, em Sorocaba (SP); homem não foi encontrado.



Uma mulher de 35 anos morreu carbonizada dentro de um apartamento, no bairro Altos do Ipanema II, em Sorocaba (SP), na madrugada deste sábado (14).

De acordo com a Polícia Militar, o ex-namorado da irmã da vítima invadiu o condomínio com dois galões, ateou fogo jogando gasolina no apartamento e, em seguida, fugiu do local.

Devido ao incêndio, uma das janelas estourou devido a uma explosão. A vítima, Cristiane Neres Prados, que estava com a filha na casa, não conseguiu sair do local e morreu queimada no quarto. Já a filha foi retirada sem ferimentos.



Testemunhas informaram à reportagem da TV TEM que a moradora sofria de uma deficiência física nas pernas e que o ex-cunhado estaria a perseguindo a irmã dela há semanas.

Ainda de acordo com os moradores, ele pulou o alambrado do prédio, abriu a janela do apartamento, que fica no térreo, e jogou a gasolina. Em seguida, fugiu do local sentido a um matagal.

A perícia técnica foi acionada e equipes da PM e Corpo de Bombeiros estiveram no local para o atendimento da ocorrência. O suspeito não foi encontrado.


*Com informações de Moniele Nogueira/TV TEM