Mulher morre após tirar foto de arma e disparar acidentalmente

Uma mulher de 36 anos morreu nesta segunda-feira (21) após ser atingida por um disparo de arma de fogo na cabeça na cidade de Araras, interior de São Paulo. Identificada como Eva Cristina Dias, ela segurava a arma para tirar uma foto, quando fez o disparo de forma acidental.



O caso aconteceu no último domingo (20). Ao tomarem conhecimento da ocorrência, policiais foram chamados e encontraram a vítima com um ferimento grave na cabeça.

A arma estava registrada em nome de um CAC (colecionador, atirador esportivo e caçador) e era uma pistola nove milímetros. O homem, de 30 anos, contou à polícia que a vítima segurava a arma para fazer uma foto. Ele chegou a ser em flagrante, mas acabou liberado após pagar fiança de R$ 3 mil.

O caso foi registrado como porte ilegal de arma, lesão corporal e homicídio culposo. Eva chegou a ser levada para o pronto-socorro da cidade, mas não resistiu aos ferimentos.

PARCEIROS TVLW-2021-4.gif