Ministro Celso de Mello divulga vídeo da reunião ministerial que pode comprometer Bolsonaro sobre in


O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), divulgou nesta sexta-feira (22) o vídeo da reunião ministerial utilizada como prova em depoimento do ex-ministro da Justiça Sérgio Moro. Do material, foram retirados apenas dois trechos que envolvem comentários sobre a China e o Paraguai. A página do STF chegou a ficar fora do ar e o link que possui a íntegra do material está inacessível.

Nesta sexta-feira (22), o ministro Celso Mello também solicitou à Procuradoria Geral da República a apreensão dos celulares de Bolsonaro e de um dos filhos dele, o vereador Carlos Bolsonaro. O depoimento do chefe do Executivo também foi solicitado.