Menina de quatro anos resgatada com vida 91 horas depois do terremoto na Turquia




"Assistimos um milagre 91 horas depois. As equipes de resgate recuperaram com vida Ayda, de quatro anos", anunciou o prefeito, Tunc Soyer, no Twitter. 


A menina foi retirada dos escombros entre aplausos, no distrito de Bayrakli, o mais afetado pelo terremoto da sexta-feira passada. "Neste período de sofrimento, também tivemos este momento de felicidade", afirmou o prefeito.


Protegida por uma manta de sobrevivência alumínio, a pequena Ayda Gezgin foi levada de maca até um hospital pelas equipes da Agência de Gestão Emergências e Desastres (AFAD).


Na segunda-feira, as equipes de emergência conseguiram resgatar com vida duas meninas, de três e 14 anos, dos escombros de dois edifícios que desabaram na província de Izmir. O balanço do tremor subiu para 102 mortos, anunciou a AFAD.


O terremoto de 7 graus também deixou 994 feridos e 147 pessoas continuam hospitalizadas, de acordo com a agência governamental. As equipes de emergência continuam procurando sobreviventes nos escombros de cinco edifícios.

O tremor aconteceu na sexta-feira à tarde no Mar Egeu, ao sudoeste de Izmir, a terceira maior cidade da Turquia, e perto da ilha grega de Samos. Além das vítimas fatais na Turquia, o terremoto também provocou duas mortes em Samos.