• TVLW Online

Mês da Mulher em Arcoverde terá diversas ações de assistência social, arte e conscientização


Em alusão ao Dia Internacional da Mulher, a ser celebrado no próximo domingo, 08 de março, a Secretaria de Assistência Social juntamente com a Coordenadoria da Mulher e o SESC Arcoverde estarão promovendo diversas ações dedicadas ao público feminino. A programação abrange desde rodas de conversa, homenagens e palestra, além da abertura da exposição fotográfica ‘Violência: Depois do Caos, a Cura’, sobre o fim do ciclo da violência doméstica.

As iniciativas são gratuitas e para participar, basta comparecer aos locais indicados.

Confira a programação completa:

- Dia 09/03 (segunda-feira): Café com Roda de Conversa, a partir das 7h da manhã, em parceria com a Coordenadoria da Mulher, na sede do Cadastro Único (Rua Antonio Barbosa de Siqueira, 77, no centro da cidade – final da Rua da Celpe).

- Dia 10/03 (terça-feira): Casa 60+ (Praça Barão do Rio Branco, 41, Centro) Roda de conversa com o tema: A mulher do passado e da contemporaneidade. A homenagem do SCFV - Casa 60+ às mulheres busca através de uma roda de conversa ressaltar as características da mulher no passado e como suas lutas foram importantes na construção da mulher contemporânea, destacando o seu protagonismo e o seu caráter político no meio social. A roda de conversa será ministrada pela Educadora Social Anny Rafaelly e a atividade será encerrada com um lanche e entrega de lembrancinhas. A homenagem será a partir das 8h30min.

- Dia 17/03 (terça-feira): SESC Arcoverde (Rua Capitão Arlindo Pacheco de Albuquerque, 364, Centro) Exposição ‘Violência: Depois do Caos, a Cura’. Realização: SESC Arcoverde / Secretaria de Assistência Social Parceria: Coordenadoria da Mulher A abertura da exposição será dia 17/03, às 19h, no Espaço Escadaria do Sesc. Palestrantes: - Perpétua Dantas, atualmente Secretária de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos da Cidade de Caruaru, além de advogada criminalista, especialista em Direito Penal e Processual Penal, professora universitária (ASCES/UNITA), Mestre em Ciência Política pela UFPE, pesquisadora do Grupo de pesquisa - UFPE/CNPq: Educação, Inclusão Social e Direitos Humanos, coordenadora do Programa Adoção Jurídica de Cidadãos Presos (ASCES/UNITA) com atuação na PJPS, Coordenadora do Escritório de Práticas Jurídicas da ASCES/UNITA. - Micheline Valério, Coordenadora da Mulher de Arcoverde.

Arte: Robson Lima