Fundaj prepara festa para celebrar aniversário de Luiz Gonzaga


Os 108 anos que o Rei do Baião Luiz Gonzaga (1912—1989) completaria no próximo dia 13 de dezembro, vão ser celebrados pela Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj) com festa e, claro, muito forrobodó.


A festa vai contar com a participação do forrozeiro Alcymar Monteiro, além de um bate-papo com o radialista Renato Phaelante, autor do título “Luiz Gonzaga: Baião, Forró e Seca” (Bagaço, 2017). O evento será transmitido no canal do YouTube da Instituição, no domingo (13), a partir das 19h.


Com abertura do presidente da Fundaj, Antonio Campos, e participação de Mário Helio, diretor de Memória, Educação, Cultura e Arte (Dimeca), a programação será encerrada pelo tributo ao Rei do Baião, feito por Alcymar.

O cantor e compositor Alcymar Monteiro, que também era compadre de luiz Gonzaga, gravou com ele o pout-pourri “Cantiga de Vem-Vem/ Roendo Unha para o álbum Forroteria” (RGE, 1986) — com o qual alcançou a marca de 500 mil cópias.

O primeiro contato de Alcymar com Gonzagão foi em 1985, quando abriu um show Rei do Baião no Cavalo Dourado - atual Baile Perfumado. “Fisicamente ele não existe mais, mas espiritualmente ele permanece sempre. Porque o artista não morre, ele permanece na sua obra”, ressalta o forrozeiro.

Programação

19h - Antônio Campos, presidente da Fundação Joaquim Nabuco

19h10 - Mario Helio, diretor de Memória, Educação, Cultura e Arte (Dimeca), da Fundaj

19h20 - “Luiz Gonzaga: baião, forró e seca”, por Renato Phaelante.

20h - “Tributo a Luiz Gonzaga”, por Alcymar Monteiro. Com repertório especial, que traduz a valorização dos ritmos nordestinos, o artista fará a apresentação musical intercalada com histórias que compartilhou com seu amigo e compadre Luiz Gonzaga.

Serviço

Live “Luar do Gonzagão”

Domingo (13), a partir das 19h

Transmissão pelo canal do YouTube da Fundaj