Decreto regulamenta o que pode e o que não pode funcionar durante quarentena nas regiões de Caruaru,

[09:05, 25/05/2021] +55 81 9116-7115: O Governo de Pernambuco anunciou, nesta segunda-feira (24), novas medidas restritivas para várias regiões em razão da piora dos indicadores da covid-19. Nesta terça (25), foi publicado no Diário Oficial do Estado o decreto com a regulamentação dos serviços para o período de 26 de maio a 06 de junho.


Desta quarta-feira (26) até o dia 6 de junho, as 53 cidades das regiões de Caruaru e Garanhuns e mais 12 cidades da região de Limoeiro entrarão em quarentena rígida também de segunda a sexta-feira.



🚫 Não poderão funcionar nesses 11 dias de quarentena nessas cidades os seguintes espaços:


I - escolas e universidades, públicas e privadas;


II - escritórios comerciais e de prestação de serviços;


III - clubes sociais, esportivos e agremiações;


IV - competições e práticas esportivas coletivas, profissionais ou voltadas ao lazer;


V - praias marítimas e fluviais, inclusive os calçadões e parques;


VI - ciclofaixas destinadas a atividades de lazer ou recreativas;


VII - shoppings centers e galerias comerciais.


VIII - igrejas e templos religiosos estão liberados apenas celebrações de forma virtual, sem público.


Desde que possuam acesso externo e independente aos shopping centers e similares, os estabelecimentos destinados ao abastecimento alimentar da população neles localizados, a exemplo dos supermercados, ficam autorizados a funcionar.


Fica autorizada, para o atendimento em agências bancárias e lotéricas, a abertura de shopping centers e similares.


O funcionamento das feiras livres nos municípios abrangidos será disciplinado por ato do respectivo(a) Prefeito(a), observando as peculiaridades locais e evitando aglomerações.


🆓 Poderão funcionar durante a quarentena de 11 dias nas regiões de Caruaru, Garanhuns e Limoeiro:


I - serviços públicos municipais, estaduais e federais, inclusive os outorgados ou delegados, nos âmbitos dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, dos Ministérios Públicos e dos Tribunais de Contas, e representações diplomáticas, devendo ser priorizado o teletrabalho;


II - farmácias e estabelecimentos de venda de produtos médico-hospitalares;


III - postos de gasolina, inclusive loja de conveniência, apenas para ponto de coleta;


IV - serviços essenciais à saúde, como médicos, clínicas, hospitais, laboratórios e demais estabelecimentos relacionados à prestação de serviços na área de saúde, observados os termos de portaria ou outras normas regulamentares editadas pelo Secretário Estadual de Saúde;


V - serviços de abastecimento de água, gás e demais combustíveis, saneamento, coleta de lixo, energia, telecomunicações e internet;


VI - clínicas e os hospitais veterinários e assistência a animais, inclusive em shopping centers;


VII - serviços funerários;


VIII - hotéis e pousadas, incluídos os restaurantes e afins, localizados em suas dependências, com atendimento restrito aos hóspedes;


IX - serviços de manutenção predial e prevenção de incêndio;


X - serviços de transporte, armazenamento de mercadorias e centrais de distribuição;


XI - estabelecimentos industriais e logísticos, bem como os serviços de transporte, armazenamento e distribuição de seus insumos, equipamentos e produtos;


XII – lojas de veículos e ofi cinas de manutenção e conserto de máquinas, equipamentos, veículos leves e pesados e, em relação a estes, a comercialização e serviços associados de peças e pneumáticos;


XIII - restaurantes, lanchonetes e similares, por meio de entrega a domicílio, em ponto de coleta, na modalidade drive thru, e para atendimento presencial exclusivo a caminhoneiros, sem aglomeração;


XIV - serviços de auxílio, cuidado e atenção a idosos, pessoas com deficiência e/ou dificuldad…

[10:17, 25/05/2021] +55 81 9116-7115: CORONAVÍRUS 🏖️ Praias e parques ficarão fechados nos finais de semana em Pernambuco


O Governo de Pernambuco anunciou, nesta segunda-feira (24), novas medidas restritivas para várias regiões em razão da piora dos indicadores da covid-19. Nesta terça (25), foi publicado no Diário Oficial do Estado o decreto com a regulamentação dos serviços para o período de 26 de maio a 06 de junho.


Praias, parques e calçadões ficarão fechados nos próximos dois finais de semana no litoral pernambucano.


Na Região Metropolitana do Recife e cidades da Zona da Mata, apenas atividades permitidas poderão funcionar nos finais de semana. Durante a semana, permanece o esquema atual, com fechamento às 20h.


Desta quarta-feira (26) até o dia 6 de junho, as 53 cidades das regiões de Caruaru e Garanhuns e mais 12 cidades da região de Limoeiro entrarão em quarentena rígida também de segunda a sexta-feira.

PARCEIROS TVLW-2021-4.gif