Conta de água vai ficar mais cara: Governo de Pernambuco promove reajuste de 11,9%

O Governo de Pernambuco promoveu um novo reajuste na conta de água dos usuários dos serviços de água e esgoto da Compesa (Companhia Pernambucana de Saneamento).


De acordo com publicação no Diário Oficial do Estado desta terça-feira (20), o aumento será de 11,90% na conta.

Trata-se do segundo reajuste para 2021. Em janeiro, entrou em vigor um aumento de 2,4% na tarifa.



Sobre o novo reajuste, a resolução da Arpe (Agência de Regulação de Pernambuco) alega que a medida é para "compensar os efeitos da inflação de 1º de julho de 2020 a 30 de junho de 2021".

A nova tabela tarifária foi homologada pela agência reguladora, que é presidida por Severino Otávio, conhecido como Branquinho, ex-prefeito de Bezerros pelo PSB.

O reajuste entra em vigor no dia 19 de agosto.

Veja a íntegra da decisão na resolução:

"Art. 1º Autorizar a aplicação do índice de reajuste de 11,90% (onze inteiros e noventa centésimos por cento), para compensar os efeitos da infl ação do período de 1º/07/2020 a 30/06/2021. Art. 2º Homologar a Tabela Tarifária indicada no Anexo Único a ser aplicada aos serviços de abastecimento de água e de coleta e tratamento de esgotos sanitários do Estado de Pernambuco prestados pela COMPESA. Art. 3º A Tabela Tarifária indicada no art. 2º entrará em vigor a partir de 19 /08/2021. Art. 4º Esta Resolução entra em vigor na data de sua publicação no Diário Oficial do Estado. Recife, 19/07/2021."

PARCEIROS TVLW-2021-4.gif