CHUVAS: número de desabrigados sobe para cinco mil em Pernambuco

CHUVAS 🏠 Número de desabrigados sobe para cinco mil em Pernambuco


Cerca de cinco mil pessoas estão desabrigadas por conta das chuvas que têm atingido o estado desde a sexta-feira (28), segundo balanço divulgado pela Central de Operações da Codecipe na manhã desta segunda-feira (30).



De acordo com informações da Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac), apesar da redução no volume, as chuvas devem continuar, com intensidade moderada, até a próxima sexta-feira (03), na Região Metropolitana do Recife e na Zona da Mata.


A Defesa Civil reforçou, esta manhã, o alerta sobre o alto risco de deslizamentos, uma vez que o solo está bastante encharcado. Os maiores acumulados nas últimas 24 horas foram registrados nos municípios de Olinda (60 mm), Paulista (57 mm), Itapissuma (53 mm) e Recife (52 mm).


A situação dos rios, porém, permanece estável. O nível de acúmulo nos pontos monitorados, sobre os quais foram emitidos avisos de alerta ou inundação já desceram ou estabilizaram, não havendo mais necessidade de aviso hidrológico.


A Apac informou ainda que o Sistema de Contenção de Cheias do rio Capibaribe – composto pelas barragens de Jucazinho (Surubim), Carpina (Lagoa do Carro), Tapacurá (São Lourenço da Mata) e Goitá (Paudalho) – continua sendo monitorado pelas equipes técnicas. A situação dos reservatórios, pela manhã, era a seguinte: Carpina (16,50 %); Goitá (70,90 %); Jucazinho (15,33 %) e Tapacurá (69,20 %).


Até o momento, segundo o governo, não há risco que motive a abertura de comportas nessas barragens, e caso haja necessidade, a Defesa Civil avisará a população com antecedência.

PARCEIROS TVLW-2021-4.gif