Bares, restaurantes e academias reabrem em 20 de julho e futebol retorna dia 19, sem público


O governo de Pernambuco vai liberar o atendimento presencial em bares, restaurantes e academias de ginástica no dia 20 de julho, no Plano de Convivência com aCovid-19. Os jogos profissionais de futebol, por sua vez, retornarão no dia 19, ainda sem torcida. As partidas ocorrerão na Arena de Pernambuco, emSão Lourenço da Mata, no Grande Recife, para evitar aglomerações nos clubes.


Os bares, restaurantes e academias que retornam as atividades, segundo o governo, terão horário reduzido, permanecendo fechados das 20h às 6h. Eles deverão funcionar com metade da capacidade e seguindo uma série de protocolos, que serão divulgados pelo governo, na internet. A medida alcança os municípios da Região Metropolitana do Recife e da Zona da Mata.

A implementação da sexta fase do Plano de Convivência com a Covid-19 foi postergada pelo governo, no Grande Recife e Sertão. Nesta semana, a única região a avançar é o Agreste, já que Caruaru e Bezerros, que estavam em quarentena, reduziram os casos e, com isso, se igualam ao restante do estado.

"Não teremos avanço no Grande Recife e Sertão, por enquanto. Somente no Agreste, que vem apresentando uma melhoria mais expressiva nos indicadores e vão avançar para a fase 4. Prevemos, no dia 20, o avanço para a etapa 6, com abertura de serviços de alimentação e academias de ginástica", declarou o secretário estadual de Saúde, André Longo.


O Plano de Convivência com a Covid-19 tem 11 etapas e leva em conta a relevância dos setores econômicos, mas, também, o risco de contaminação e aglomerações de pessoas. Em acordo firmado com a Federação Pernambucana de Futebol (FPF), ficou definido que as duas partidas finais do Campeonato Estadual serão realizadas na Arena de Pernambuco.

Segundo o secretário de Turismo de Pernambuco, Rodrigo Novaes, a decisão de transferir os jogos para a Arena de Pernambuco é um dos itens de uma série de protocolos definidos para o setor.

"Temos uma série de medidas e restrições e um protocolo bastante rígido para a retomada, isso inclui as equipes, profissionais de imprensa, etc. As rodadas acontecerão na Arena de Pernambuco, porque fica mais distante e não é sede de nenhum clube, evitando aglomerações", declarou Novaes.


Interior

A partir da segunda-feira (13), municípios do Agreste, que estavam na etapa 2 do Plano de Convivência com a Covid-19, avançam para a etapa 4. O que permitirá o funcionamento das lojas de varejo de rua, os salões de beleza e estética, comércio de veículos, incluindo serviço de aluguel e vistoria, com 50% da carga, construção civil com 100% do efetivo e shoppings centers com atendimento presencial.

As cidades do Sertão pernambucano permanecem nesta mesma fase. Os dados de saúde desses municípios, no momento, não permitem o avanço dessa região no plano, segundo o governo.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Econômico do estado, Bruno Schwambach, houve um retardamento do retorno de avanço do plano devido aos números da epidemia no estado.


"Esses estabelecimentos poderão funcionar com 50% da capacidade, para evitar contaminação. É muito importante saber que algumas atividades como essa precisam voltar, para dar emprego e renda às pessoas, mas devemos ter um olhar sobre os dados da saúde. Passamos por um pico alto, começamos a ter uma descida e uma estabilização dessa descida, por isso postergamos a etapa seis", declarou.