Absolvidas, filha e neta de Flordelis deixam o presídio

Marzy Teixeira e Rayane dos Santos, filha afetiva e neta de Flordelis, respectivamente, deixaram a cadeia por volta das 16h30 desta segunda-feira (14).

Na saída, Rayane reconheceu que as provas do caso são contundentes, mas considerou exagerada a condenação da avó a 50 anos e 28 dias de prisão.

“Deus foi fiel na minha vida, fomos absolvidas, não tem provas. Minha mãe e minha vó continuam, vamos seguir na batalha”, disse. "Foram os próprios filhos que a traíram, foram ingratos, traíram, mas cada um tem livre arbítrio.” Marzy também disse que achou exagerada a pena da mãe, que nesta segunda se sentiu mal e chegou a ser levada para uma UPA, mas já retornou ao presídio: “Eu não sei se ela é culpada, acho que não me pediu nada, foi severa demais. Ninguém ganha 50 anos com a idade dela. Acredito na justiça, principalmente divina. Eu vou visitá-la, dar força e não vou abandonar”, disse Marzy.

Elas foram recebidas e abraçadas pelo produtor artístico Allan Soares, namorado de Flordelis, estava na porta do Presídio Santo Expedito, em Bangu.


Marzy e Rayane foram absolvidas do assassinato do pastor Anderson do Carmo - crime pelo qual Flordelis foi condenada a mais de 50 anos.

No domingo (13), um terceiro absolvido, André Luiz Oliveira foi solto horas após Conselho de Sentença do Tribunal do Júri de Niterói definir as penas dos envolvidos no crime. Ele é filho afetivo da ex-deputada federal.

André Luiz, que sempre negou a participação no crime, estava detido na Cadeia Pública Patrícia Acioli, em São Gonçalo. Marzy e Rayane estão no Instituto Penal Santo Expedito, em Bangu, na Zona Oeste do Rio de Janeiro.

PARCEIROS TVLW-2021-4.gif